"A injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo o lugar." (Martin Luther King Jr)

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

STF sedia último dia do projeto imersão sobre precedentes

As ferramentas de Inteligência Artificial (IA) utilizadas pelo Supremo Tribunal Federal (STF) foram o destaque do último dia do “Projeto Imersão: Precedentes na Prática”, que reuniu magistrados dos Tribunais de Justiça de Mato Grosso, do Amazonas e do Pará e do Tribunal Regional do Trabalho da 18º Região (Goiás). O projeto é uma parceria entre o STF e o Superior Tribunal de Justiça (STJ).Comunicação ativaPela manhã, Júlio Luz Sisson de Castro, supervisor do Núcleo de Gerenciamento de Precedentes do STF (Nugep), deu início ao debate sobre Gestão de Precedentes demonstrando o uso das ferramentas encontradas no Portal do STF que possibilitam acesso às informações envolvendo repercussão geral.Júlio reforçou a importância de uma comunicação ativa e transparente, tanto externa quanto internamente, em relação aos temas de repercussão geral, a fim de otimizar a resolução de processos. Também ressaltou as publicações de livros da Suprema Corte sobre o tema, que podem ser acessados de forma gratuita pelo Portal e adquiridos na Livraria do STF. Afirmou, ainda, que a unidade administrativa do Nugep trabalha sempre para garantir a pulgação de informações sobre repercussões gerais da maneira mais rápida e clara possível.FerramentasNo período da tarde, os participantes puderam conhecer as principais ferramentas utilizadas pelo STF para conferir transparência, confiabilidade e celeridade ao trabalho do Tribunal. O primeiro deles foi o Banco de Jurisprudência, que abriga informações sobre acórdãos, decisões monocráticas e enunciados de súmulas, entre outros.Em seguida, os temas foram a internalização da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) no STF e as ferramentas de IA em utilização: Victor, primeira experiência da Corte nesta área; RAFA 2030, que classifica os projetos de acordo com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS); e a recém-lançada VitórIA.Para que os magistrados avaliassem o Projeto Imersão,  promovido pelo STF em parceria com o Superior Tribunal de Justiça (STJ), foi proposta a criação de uma nuvem de palavras, na qual os destaques foram aprendizagem, entusiasmante, fraternidade, enriquecedora. Ao final do evento, foram distribuídos certificados de participação.Próximos projetosO STF planeja a realização de mais dois Projetos de Imersão: Precedentes na Prática, em junho e agosto próximos. O próximo passo será definir quais estados serão contemplados.
25/05/2023 (00:00)

Contate-nos

QUARTIERI SOCIEDADE INDIVIDUAL DE ADVOCACIA

Rua Cândido Carneiro  133
-  Vila Bom Jesus
 -  São José do Rio Preto / SP
-  CEP: 15014-200
+55 (17) 3364-0362+55 (17) 98107-0673
Visitas no site:  120007
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia